quarta-feira, 3 de novembro de 2010

o sonho de sempre

Eu sonhei contigo esta noite, aquele velho sonho de costume, aquele sonho que nós dois estamos juntos e jurando um amor eterno um ao outro.
Você estava vestindo aquela camisa que eu adoro, e aquele olhar que só eu vejo, o seu sorriso era tão belo que eu não cansava de olhar. O pôr-do-sol chegou e eu tive que levantar, mas aqui dentro ficou o gosto de vê-lo de novo. E como de costume, eu dedico sempre meus sonhos a você, pois você passa mais tempo comigo nos sonhos do que aqui ao meu lado, e é por isso que eu nao quero acordar. - Apenas quando você chega.

Não aguento mais viver longe de ti vendo-o só nos fins de semana. Isso é uma crueldade com o meu coração. Desde que te conheci eu só penso em ti, e então aquele mundo comum que eu vivia tornou-se um outro mundo, um mundo melhor que eu o convidei para entrar e você estendeu sua mão e entrou sem medo, e hoje vivemos aqui com amor, carinho e dedicação. Aprendemos um com o outro e isso eu irei levar para a vida toda.

E agora tudo que eu queria era você aqui... um cobertor quentinho, um filme pra assistir e um cantinho pra dormir. Mas como nem tudo é do jeito que queremos o jeito é eu voltar para os meus sonhos e viver com você lá dentro para sempre!


3 comentários:

  1. Sonhar é tão bom ... lá você cria um mundo, e vive em paz nele,sem violencia,sem arrogancia,sem maldades..apenas com um mundo cheio de amor,de alegria e de carinhos.
    Beijos querida.

    ResponderExcluir
  2. Ana Clara, você sonha. O seu sonhar é tão suave. Inspirador. Seu final de semana é de realizar, o seu sono é de realizar, você é toda sonho que se realiza. Você é linda quando fala do seu sonho. Quero lhe indicar uma canção que é a cara da sua postagem: Molly Johnson – Melody. Parabéns! Abraço!

    “Para o legítimo sonhador não há sonho frustrado, mas sim sonho em curso” (Jefhcardoso)

    http://jefhcardoso.blogspot.com

    ResponderExcluir

Diga-me tudo. Não esconda-me nada.